Radiofrequência pulsada alívio da dor sem cirurgia

Radiofrequência pulsada: alívio da dor sem cirurgia

Quando a dor não responde do jeito esperado ao tratamento clínico, alguns casos contam com uma excelente alternativa sem cirurgia. Conheça agora o que é radiofrequência pulsada para alívio da dor.

Radiofrequência é um procedimento moderno e seguro, cada vez mais utilizado no tratamento de diferentes tipos de dores. Avanços tecnológicos permitiram uma ampliação no uso destas técnicas e também favoreceram a eficácia do tratamento. Inclusive, em muitos casos, é considerado como uma alternativa a procedimentos mais invasivos. Podemos dizer com segurança que a Radiofrequência é hoje uma das principais indicações de tratamento para diversos tipos de dor.

Radiofrequencia pulsada alivio dor na coluna

Para quem a radiofrequência pulsada é indicada?

Quando o paciente apresenta boa resposta às infiltrações da coluna, ou seja, a estrutura responsável por gerar dor no paciente foi bem identificada a partir dos bloqueios diagnósticos e terapêuticos, a radiofreqüência pode ser utilizada. Este aparelho leva a lesão de ramos nervosos responsáveis pela dor, preservando a parte do nervo que é responsável pela sensibilidade e pela força.

Como a técnica alivia a dor?

Radiofrequencia pulsada rizotomia

A Radiofrequência convencional funciona basicamente da seguinte forma: uma corrente elétrica de alta frequência (500.000 Hz) é produzida por um aparelho chamado gerador de radiofrequência. A onda é transmitida através de um cabo até um eletrodo que é colocado dentro de uma agulha. A agulha é inserida através da pele do paciente. A onda de radiofrequência, que percorre o eletrodo até a ponta da agulha, queima o nervo, impedindo que ele conduza o sinal da dor até o cérebro.

Já a Radiofrequência Pulsada gera ondas seguidas de pausa, ou seja, a temperatura não eleva tanto quanto na convencional. A corrente elétrica gerada modula as sinapses nervosas, acabando com a transmissão dos estímulos dolorosos.

aparelho intensificador de imagens

Em todos os tipos de Radiofrequência, é utilizada a Fluoroscopia para auxiliar o médico na localização exata dos pontos onde são realizados o procedimentos. Trata-se de uma câmera de vídeo acoplada a um aparelho de Raio-x, mecanismo este que permite ao profissional localizar a área de inserção da agulha em tempo real, minimizando os riscos de lesões indesejadas e aumentando em muito a segurança do procedimento.

Como é feito o procedimento?

Para procedimentos na coluna lombar, o paciente fica de bruços. Na coluna cervical, a posição pode variar de acordo com a estrutura alvo. Os parâmetros vitais ficam monitorados por aparelhos. É realizada uma sedação com medicamentos endovenosos e anestesia no local de introdução da agulha. As agulhas são inseridas e posicionadas com precisão com auxílio do intensificador de imagens (imagem abaixo). Este é um procedimento minimamente invasivo e não existe corte.

Fluoroscopia

O paciente fica acordado, conversa com o médico e pode relatar qualquer desconforto. A duração é de cerca de 45 minutos e, logo após o procedimento, o paciente está liberado para ir pra casa.

Procedimento disponível em Juiz de Fora

tratamento da dor em juiz de fora

A partir de janeiro de 2014, a utilização da Radiofreqüencia para dor lombar foi incluída no rol de procedimentos da ANS, ou seja, os convênios são obrigados a autorizar o procedimento se houver indicação para tal.

Já realizamos esse procedimento em regime de hospital-dia com auxílio de um aparelho intensificador de imagem próprio, o que permite o paciente se submeter à Radiofrequência Pulsada no conforto de nossa clínica e receber alta no mesmo dia.

👨‍⚕Espero poder te ajudar no tratamento da dor. 

Caso você não encontre solução para as dores na coluna, converse com seu médico sobre nossas técnicas e ligue para nós: (32) 3218-6797 | 3215-8551

Endereço:
Av. Itamar Franco, 4001 – Salas 616 e 617
Cascatinha – Juiz de Fora/MG – 36033-318

Sites de referência sobre a área médica, saúde e suas soluções tecnológicas: