Como um fisioterapeuta pode te ajudar com a dor crônica?

fisioterapia dor crônica

Até pouco tempo atrás, a dor era considerada apenas um sintoma de alguma outra enfermidade. Mas, hoje, ela é encarada de outra maneira. O conceito mudou tanto que, em muitos hospitais, a dor é considerada o 5º sinal vital. 

O paciente é quem vai quantificar a dor através de uma Escala Analógica Visual de Dor, por meio de uma régua, onde deve indicar de zero a dez a sua intensidade, sendo zero o ponto sem dor e dez o ponto de dor muito intensa.

De acordo com a Associação Internacional para o Estudo da Dor (IASP), uma em cada cinco pessoas no mundo sofre de dores crônicas. 

dores crônicas

O tratamento da dor crônica é realizado por uma equipe multidisciplinar, que envolve também os fisioterapeutas. A dor é uma condição comum e os principais objetivos terapêuticos dos fisioterapeutas são a redução da dor e da incapacidade associada, a melhoria da função motora e a promoção da saúde e do bem-estar na vida cotidiana.

O que é a fisioterapia?

O que é a fisioterapia?

De acordo com o Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional, “a fisioterapia é a ciência que estuda, diagnostica, previne e recupera pacientes com distúrbios cinéticos funcionais intercorrentes em órgãos e sistemas do corpo humano. Trabalha com doenças geradas por alterações genéticas, traumas ou enfermidades adquiridas” (Crefito).

Os fisioterapeutas estão capacitados para instruí-lo sobre posturas corretas, ensinar sobre conhecimentos básicos de anatomia e fisiologia, e ensinar exercícios de mecânica corporal, alongamento, fortalecimento e condicionamento.

Como um fisioterapeuta pode ajudar?

Um terapeuta físico ou ocupacional pode trabalhar com você para tornar as atividades diárias menos dolorosas, como caminhar, dirigir, cozinhar e trabalhar. Além disso, se a cirurgia faz parte do seu plano de tratamento, você provavelmente precisará de um terapeuta físico ou ocupacional para ajudá-lo a voltar às suas tarefas diárias.

terapeuta físico ou ocupacional

O profissional trabalha em conjunto com o médico para determinar se outros tipos de tratamentos não-cirúrgicos (ultrassom, calor, diatermia, estimulação elétrica transcutânea, estimulação elétrica ou manipulação espinhal) são ideais para você. As terapias que trabalham com a mente e o corpo, como meditação, yoga e tai chi, também podem ajudar a lidar com a dor.

É importante que seu fisioterapeuta esteja atualizado quanto aos seus outros tratamentos médicos e, embora você possa aprender muitas práticas em livros e vídeos, é fundamental consultar um profissional para que você tenha as orientações adequadas para o seu caso.

👨‍⚕Espero poder te ajudar no tratamento da dor.

Caso você não encontre solução para dor crônica, converse com o profissional da saúde sobre neurocirurgia funcional e ligue para nós:
(32) 3218-6797 | 3215-8551

Endereço:
Av. Itamar Franco, 4001 – Salas 616 e 617
Cascatinha – Juiz de Fora/MG – 36033-318

Sites de referência sobre a área médica, saúde e suas soluções tecnológicas:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *