Epilepsia refratária: como a neuroestimulação não invasiva auxilia no tratamento

Epilepsia refratária: como a neuroestimulação não invasiva auxilia no tratamento

Crise epiléptica é definida como a ocorrência transitória de sinais e/ou sintomas devido a uma atividade neuronal síncrona ou excessiva no cérebro. Esses sinais ou sintomas incluem fenômenos anormais súbitos e transitórios tais como alterações da consciência, ou eventos motores, sensitivos/sensoriais, autonômicos ou psíquicos involuntários percebidos pelo paciente ou por um observador¹.

O que é risco de recorrência das crises epilépticas?

O risco de recorrência é a chance de uma pessoa que teve uma ou mais crises epilépticas ter um novo evento. Esse risco não é conhecido para a maioria dos casos. Porém, se o médico tem suspeita de que alguma lesão pode ter sido a causa da(s) crise(s) e que há probabilidade de que as crises se tornem persistentes, o diagnóstico de epilepsia deve ser considerado. Estima-se que o risco de recorrência de uma pessoa que teve duas crises não provocadas voltar a ter crises epilépticas está em torno de 60 a 90% (Hauser et al, 1991). Esse número não é preciso. Portanto, a decisão de início de medicações antiepilépticas para evitar recorrências deve ser individualizada, de acordo com cada caso².

Epilepsia refratária

Quando as crises epilépticas são frequentes após o uso de pelo menos duas medicações devidamente indicadas para o tipo de epilepsia (focal ou generalizada), utilizadas em associação ou não com outras, recebe a denominação de epilepsia refratária ou de difícil controle medicamentoso. 

Este tipo de epilepsia está presente em 30% dos casos. Após este diagnóstico, é possível fazer novas tentativas com medicações diferentes. Contudo , é imprescindível que o paciente seja orientado quanto à possibilidade em associar um tratamento dietético.

Cirurgia da Epilepsia refrataria:

  • Microcirurgia de ressecção das lesões;
  • Implante de estimulador do nervo vago.

👨‍⚕ESPERO PODER AJUDAR O SEU TRATAMENTO:
(32) 3218-6797 | 3215-8551

Endereço:Av. Itamar Franco, 4001 – Salas 616 e 617Cascatinha – Juiz de Fora/MG – 36033-318

Continue nos acompanhando no Facebook Instagram.

*As informações publicadas nesta página não substitui o conselho médico profissional. Sempre consulte um médico para um diagnóstico e tratamento ajustado ao seu caso.😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *